31 de dezembro de 2010

Sabesp esqueceu de novo?

video

Estou cansado de mostrar isso mais não vou desistir. Será que não tem um da prefeitura que pudesse andar pela ciclovia para encontrar inconsistências como essa e resolver o problema? As vezes parece que essa gente vai de helicóptero ao trabalho. Na Inglaterra os conselheiros da cidade de Bristol andam de bicicleta, andam de ônibus, usam a saúde e as escolas públicas, eles mesmos também fiscalizam a sua cidade. O que falta aqui é focar a necessidade pública. Parece que o foco aqui é descobrir como torrar o dinheiro do povo com obras.

Nota do Redator

Passei no dia seguinte após a gravação deste vídeo e o problema foi solucionado. Mas há vários cortes mais estreitos do que esse entre Mirim e Caiçara que permanece no local. Caso até semana que vem não sejam resolvidos, farei uma nova reportagem porque é muito chato só resolverem o problema que aponto aqui deixando as outras pendências. Por isso que sugiro que alguém da prefeitura ande de bicicleta e registre as inconsistências encontradas.

30 de dezembro de 2010

Cratera de R$ 145.059,18 do Caiçara Está Quase Tapada

video

Estou acompanhando semanalmente o desenrolar desta novela que custou R$ 145.059,18 ao munícipe de Praia Grande. Eu tenho agora conhecimento de todas as etapas de uma construção ou reparação de calçadão. Posso falar com ciência por que os pisos afundam e vou comprovar isso conforme o tempo for passando, a chuva for caindo e provocando erosão através da retirada da areia. Eu não vou dar os parabéns à prefeitura porque o problema está sendo resolvido depois de um ano praticamente. Se fosse feito no começo, talvez não se gastaria tanto dinheiro assim.

Nota de Repúdio

Gostaria de manifestar o meu repúdio aos viadutos que serão feitos para atender o Shopping Litoral Plaza. É uma vergonha, é um nonsense com o dinheiro público. Vão custar 32 milhões de reais ao povo (não se sabe quanto entrará da iniciativa privada) que na minha opinião só vai ajudar os ricos donos de empreiteiras e o Shopping. Eu sou da tese que é preciso investir dinheiro onde é preciso, onde há vulnerabilidade social, onde falta saúde, educação, lazer, esperança, futuro e emprego. Não reclamem da violência quando violentam a lógica, a razão e o bom senso. Praia Grande, terra das obras e da desesperança.

Leia a notícia toda que saiu no Jornal A Tribuna.

29 de dezembro de 2010

Bairro Caiçara e o Fim da Linha

video

Já mencionei em outras oportunidades o pesadelo do pedestre no Bairro Caiçara. O problema é que o problema continua, redundante mesmo. Tem tanta receita, a prefeitura arrecada montanhas de dinheiro, está na hora de investir onde é mais necessário. Vocês poderão ver que quem sofre é quem tem necessidades especiais. Este está largado a deus-dará. Mostro outro problema que é o típico de Praia Grande: o lixo.

23 de dezembro de 2010

Direto à Segurança não é garatido em Praia Grande

video

Infelizmente quando há muito dinheiro a prioridade não é gastar corretamente mas sim esbanjar. Mostro também neste vídeo a insegurança nas vias de Praia Grande. Motoristas são expostos a diversas armadilhas devido à burrice organizacional. Lamentável pagar uma conta de mais de 600 milhões de reais por ano para ter esse droga de serviço público.

20 de dezembro de 2010

Reflexões sobre o transporte público em Praia Grande

video

Para quem mora aqui em Praia Grande eu estou chovendo no molhado porque todo mundo sabe. Mas é importante ressaltar o que todo mundo esquece que é o fato de votarmos sempre nos mesmos. É importante que a gente guarde os nomes dos vereadores e do prefeito e não votar mais neles e nem em quem eles indicar. Outra coisa que gostaria chamar a atenção é a "teimosia" de manter a Piracicabana contratada de forma emergencial. O dono dessa empresa é o Nenê Constantino. Escrevam seu nome no Google para saber mais sobre ele... Aproveitando o ensejo, hoje (dia 20/12/2010) tem duas sessões extras na Câmara. Vocês sabem, esse dia, esse horário... Para o povo participar é que não é. Então, quem puder acompanhar nossos vereadores, eu agradeço.

Coincidência ou não, vejam o que acabou de ser publicado no site da Tribuna:




Segunda-feira, 20 de dezembro de 2010 - 15h38


Viação Piracicabana vence licitação em Praia Grande

De A Tribuna On-line


Créditos: Divulgação

A Viação Piracicabana venceu a licitação para a concessão de serviços de transporte coletivo urbano em Praia Grande. O novo contrato, homologado na última semana, será assinado nesta quinta-feira, no Gabinete do prefeito Roberto Francisco dos Santos.

A empresa, conforme informações da assessoria de imprensa da Prefeitura, atendeu todas as exigências feitas pela Administração. O valor do contrato será de de R$ 20 milhões.

As exigências da Prefeitura para a empresa vencedora são a reforma nos Terminais Rodoviários Tatico (Bairro Mirim) e Tude Bastos (Bairro Sítio do Campo); a construção de estações de transbordo (para transferências e embarque de passageiros) nos Bairros Samambaia e Vila Sônia; a construção de, no mínimo, 300 abrigos em pontos de ônibus; garagem para os veículos; sistema de monitoramento com GPS; 10 painéis eletrônicos nas paradas com informações sobre o transporte municipal e 69 ônibus na frota com, no mínimo, 10% dos veículos adaptados ao acesso de portadores de necessidades especiais.

O valor do contrato será de R$ 20.800.000,00 e todos os bens reversíveis (novas estações de transbordos, abrigos e painéis eletrônicos), após o término do contrato, passarão a pertencer ao patrimônio público. O contrato será válido por cinco anos, podendo ser renovado por igual período.

17 de dezembro de 2010

Minha manifestação pública sobre o IPTU de 40%

A Tribuna, 12/12/2010

Praia Grande


O aumento do valor venal dos imóveis em Praia Grande, para automaticamente aumentar as despesas dos contribuintes com pagamento do IPTU, foi feito de forma covarde. Por que os vereadores permitiram que se marcasse para as 10 horas, de segunda-feira, para votar uma lei tão importante como a revisão da Planta Genérica de Valores? As sessões são às 20 horas, todas as quartasfeiras. Por que não foi feita audiência pública? Praia Grande deveria ter um dos menores impostos do Brasil. Grande parte dos contribuintes, mais de 70%, não mora na cidade e portanto não utiliza os serviços públicos como saúde, educação, limpeza pública etc. Se não bastasse isso, como o povo pode contar com a independência do Legislativo quando o próprio vereador confessa que tem cargos na Prefeitura e tem medo que seus indicados sejam demitidos? Que todos os eleitores de Praia Grande guardem os nomes de todos os vereadores, pois todos votaram a favor dessa excrescência.

FRANZ JOSEF HILDINGER -­ PRAIA GRANDE


13 de dezembro de 2010

Isso é o máximo que a capacidade deles permite

video

Aqui está o retrato dos nossos representantes. Pelo conteúdo que eles têm, isso é o máximo que conseguem fazer por nós. Você que estudou, trabalha, vive num ambiente de muita competitividade, saiba que ao votar incompetentes, você está negando todo o seu esforço que realizou para ser alguém na vida. Saiba também que ao votar num incompetente que desconhece o que é ética e moral, você estará também empregando um monte de gente desqualificada que não conseguiu arranjar emprego por mérito próprio. Por isso que o máximo que eles conseguem nos oferecer é isso que está aí em cima: falta de capacidade. E você que pensa em vender o seu voto, saiba que esse lixo um dia pode ficar na frente da sua casa, que seus filhos poderão se tornar marginais, e você poderá morrer nas mãos de um incompetente. No relatório do Tribunal de Contas que postei na mensagem anterior, consta que a mortalidade infantil em Praia Grande está acima da média da região da Baixada Santista e acima da média do Estado de São Paulo. Isso não é por acaso...

10 de dezembro de 2010

Palácio da$ Arte$


CONSELHEIRO EDUARDO BITTENCOURT CARVALHO
PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO: 09/11/10
CONTAS ANUAIS
105 TC-001862/026/08
Prefeitura Municipal: Estância Balneária de Praia Grande.
Exercício: 2008.

Expediente TC-035842/026/08: o senhor Franz Josef Hildinger comunicou a ocorrência de possíveis irregularidades cometidas pelo Executivo de Praia Grande, acerca dos gastos com o projeto "Palácio das Artes". O Expediente serviu de subsídio para a análise das contas. A matéria foi tratada no próprio expediente, concluindo a auditoria que a Prefeitura efetuou gastos no valor de R$ 6.682.842,61, abrangendo a aquisição de equipamentos, instalações, aluguel e show inaugural. O órgão de instrução requisitou as cópias dos contratos e não foi atendido. Quanto ao custo benefício dos gastos com aluguel do imóvel firmado em 29/02/08, no valor de R$ 50.191,04 mensais, por um período de 5 anos, entendeu a auditoria que não restou claro sua economicidade, já que a Prefeitura poderia ter utilizado imóvel público, ainda que levasse mais tempo, completando que a Prefeitura sequer cobrou a dívida ativa do locador de R$12.933,16, referente aos exercício de 2006 e 2007.
(...)
VOTO PROFERIDO NA SESSÃO DE SESSÃO: 28/09/10

Contas anuais, pertinentes ao exercício de 2.008, da PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE.
(...)
Quanto aos gastos referentes ao "Palácio das Artes", no montante de R$ 6.682.842,61, abrangendo a aquisição de equipamentos, instalações e aluguel, a auditoria embora tenha requisitado os contratos envolvendo a execução da obra para análise, mais uma vez, não foi atendida. Já o contrato de aluguel do imóvel firmado no exercício, segundo o órgão de instrução, não restou claro sua economicidade. Por outro lado, o defendente nada alegou sobre a matéria. Sendo assim, proponho que o assunto seja tratado de forma autônoma, devendo, preliminarmente, a auditoria requisitar novamente a documentação para instruir. A instrução deverá segregar os contratos envolvidos, inclusive o de aluguel e os respectivos processos licitatórios e de dispensa ou inexigibilidade de licitação, se for o caso, ou ainda as despesas relacionadas à implantação do "Palácio das Artes".

Sendo assim, proponho que o assunto seja tratado de forma autônoma, devendo, preliminarmente, a auditoria requisitar novamente a documentação para instruir. A instrução deverá segregar os contratos envolvidos, inclusive o de aluguel e os respectivos processos licitatórios e de dispensa ou inexigibilidade de licitação, se for o caso, ou ainda as despesas relacionadas à implantação do "Palácio das Artes".

Registre-se a gravidade da omissão da autoridade em não atender requisição da auditoria, impossibilitando o livre exercício da fiscalização, o que é inconcebível num estado democrático de direito. Considerando, porém, que o desrespeito ocorreu no exercício seguinte ao ora examinado, reflexo nestas contas não pode haver.

É certo, contudo, que as deliberadas omissões serão devidamente analisadas nos autos apartados acima referidos.

Proponho a tramitação autônoma dos gastos envolvendo a implantação do "Palácio das Artes", devendo a auditoria, preliminarmente, requisitar novamente a documentação para instruir.

Os Expedientes TC-35842/026/08 e TC- 43082/026/09 deverão ser desvinculados dos presentes autos e passar a acompanhar o processo que irá tratar dos gastos de implantação do "Palácio das Artes".

EDUARDO BITTENCOURT CARVALHO
CONSELHEIRO

Leia todo o despacho:
http://www2.tce.sp.gov.br/arqs_juri/pdf/100131.pdf

6 de dezembro de 2010

Problema do Muro [Resolvido]

video

Um exemplo que deveria ser a regra, a Prefeitura resolveu o problema do muro destruído de forma rápida e eficaz. O muro restaurado ficou do jeito que estava antes. Isso prova que quando há um fato positivo no que tange ao escopo deste Blog, não há hesitação em parabenizar a Administração pelo feito. Parabéns.

5 de dezembro de 2010

Alerta de Segurança

Todo ano é a mesma coisa. Gente sendo assaltada, gente sendo morta. As pessoas precisam entender que além de incompetência, a administração deixa a desejar quanto à honestidade. Praia Grande vive um caos social porque ao invés de aplicar o dinheiro público no bem comum, investe-se em cargos sem concurso, empresas terceirizadas e aluguéis, muitos aluguéis. Portanto o dinheiro não chega onde mais precisa. É preciso considerar também que os serviços essenciais como Saúde, Educação, Segurança, Lazer e Cultura sofrem muito porque o dinheiro também não chega nesses serviços de forma que maximize a qualidade dos mesmos e por conseguinte a qualidade de vida do cidadão. O combate à droga é sofrível quando não se tem resultados positivos na Educação e Emprego. Sem perspectiva de um futuro melhor e na crença que o mal venceu na Prefeitura, os cidadãos procuram a droga para escapar da realidade. Juntando-se o vício e a falta de dinheiro o resultado só pode ser o crime. Pelo exposto, é importante que todos tenham consciência de não se exibirem com objetos que sejam facilmente vendidos e observar também quanto a largar carros, casa abertos facilitando assim a invasão de criminosos. E não se perca pelas aparências. Também não acredite nessas milhares de câmeras que custaram os olhos da cara do contribuinte. Muitas vezes as mesmas estão quebradas, ocas, e não direcionadas para os locais das ocorrências. Prova disso foi a morte na semana de natal de um turista que se recusou a dar sua corrente ao bandido no Calçadão da Praia Grande. A câmera que poderia ajudar era uma câmera sem anda por dentro, oca. O telefone da Guarda Civil Municipal é o 181 e o da Polícia Militar 190.

Como ganhar uma eleição em Praia Grande? Mentindo.


A inteligência do eleitor praiagrandense nunca foi tão subestimada como ficou evidenciada na sessão-canalha da manhã de segunda-feira que aumentou o IPTU de forma extorsiva, escorchante e confiscatória. Todas as desculpas dos vereadores caíram quando um deles disse que não tinha independência para votar porque tem cargos dentro da Prefeitura, e, entre seus amigos e parentes empregados na Prefeitura e o povo, ele escolhe ficar com seus amigos e parentes. Uma vez escrevi no jornal A Tribuna que votar nos políticos muitas vezes é garantir emprego para seus amigos e parentes. A prova de que eu não estou errado está aí.

Se não bastasse isso, cliquem na imagem para ampliar esse compromisso de eleição do então candidato e agora prefeito Roberto Francisco. Vejam que promessa dessa gente não vale nada e portanto não deveria valer o seu voto também.

Não se deixe enganar. Não vale o argumento de que a promessa foi feita pelo Roberto Francisco. Os vereadores deveriam fazer com que a promessa fosse cumprida e não endossando o estelionato eleitoral que é o que fizeram.

Penso que eleitor de Praia Grande merece respeito e que nas próximas eleições deveria pensar muito bem antes de votar. Errar é humano, persistir no erro é burrice.

3 de dezembro de 2010

Como vai ficar?

Como será que a SABESP vai entregar essas obras? Vai deixar as ruas PELO MENOS do jeito que encontrou?




2 de dezembro de 2010

Duas Sessões-Relâmpago e o Povo Tomou no IPTU

video

Duas sessões-relâmpago foram o suficiente para deflorarem os contribuintes de Praia Grande. Vejam como foram rápidos para votar traindo o eleitor.

Veja agora que a capacidade contributiva do povo não existe mais. Muitos não conseguem pagar o IPTU e têm seus imóveis leiloados para fazer receita.

http://goo.gl/utk8O

É importante saber que 40% de aumento no IPTU foi a média. Em bairros mais pobres como no Sítio do Campo, o valor venal dos imóveis foram reajustados em 456%.

VEREADORES DE PRAIA GRANDE


Marque seus nomes e não esqueça de não votar neles:
  1. Antonio Carlos Rezende (PSDB)
  2. Antonio Cavalcante da Silva (PSDB)
  3. Antonio Eduardo Serrano (PSB)
  4. Esmeraldo Vicente Dos Santos (PMDB)
  5. Euvaldo Reis Dos Santos Menezes (PDT)
  6. Francisco Rodrigues Bonito Neto (PPS)
  7. Heitor Orlando Sanchez Toschi (PSDB)
  8. Hugulino Alves Ribeiro (PSB)
  9. Katsu Yonamine (PSDB)
  10. Leandro Rodrigues Cruz (PMDB)
  11. Marco Antonio De Sousa (PMN)
  12. Paulo Emílio De Oliveira (PRB)
  13. Sergio Luiz Schiano De Sousa (PSB)

1 de dezembro de 2010

Povo não se interessou e IPTU foi a 40%

"Não haverá qualquer reajuste sobre os valores dos carnês do IPTU, nem mesmo reajustes inflacionários. Contamos com o crescimento vegetativo que, em Praia Grande, é por volta de 3% ao ano e que permite este não-reajuste".
Roberto Francisco, Prefeito de Praia Grande.


video

Votação unânime.

Veja se um desses vereadores foi aquele que você votou:

http://www.camarapraiagrande.sp.gov.br/?page=veradores

Sabesp sempre deixa rabo...

video

Quando é que alguém da Prefeitura vai ter coragem de enquadrar a SABESP? Nesse vídeo mostro o rastro de destruição por onde essa empresa passa. Tem lei para isso. É preciso apenas vontade política para que o nosso governo municipal se faça respeitar até pelo fato que aqueles que estão lá na Prefeitura, em tese, cuidam de nossos interesses.

05/12/210

Problema foi resolvido à meia-boca. Taparam o buraco na ciclovia mas não deixaram o calçadão do jeito que encontraram. Ficou aquele cimentão horrível.


POR OUTRO LADO...

Gostaria de parabenizar a Prefeitura. Num raro gesto de boa vontade, assim que foi levantado aqui o problema da destruição do muro no Mirim, no dia seguinte a mesma se mostrou presente e deu início à reconstrução do muro. Passei ontem pelo local e constatei que só falta o que vocês estão vendo ainda: a parte de cima do muro.