30 de março de 2010

Editorial

O fato da morte da menina Isabela comoveu o Brasil de norte a sul, de leste a oeste. A imprensa falada, escrita e televisionada não cansou de mostrar e repetir exaustivamente todos os detalhes do crime. O povo que aguardou a sentença fazendo vigília no fórum. Muita gente veio de outros estados para acompanhar o julgamento. E quanto a corrupção? Por que ela não nos comove? O roubo do dinheiro público ceifa milhares de vidas todos os anos no Brasil. O dinheiro roubado que deveria ir para a educação, saúde, segurança, infraestrutura, esporte, cultura, lazer, combate às moléstias, conservação do patrimônio público, deveria ser repudiado pelo povo de forma até violenta para com o politico que deflora o seu povo. Temos que nos conscientizar que a violência é fruto da malversação do dinheiro público que deveria de ir para a educação para que cidadãos possam ser alguém na vida e é desviado para os mais ricos pagarem escolas particulares para seus filhos, e até ter kart para andar num kartódromo onde pobre mal passa na porta. Se queremos um Brasil diferente do que é, precisamos também pensar diferente. Abaixo segue um vídeo do programa do Ministério Público chamado Interesse Público que fala do combate à corrupção no Rio Grande do Norte e eu me permiti reproduzi-lo aqui porque é um exemplo a ser seguido.

video

26 de março de 2010

Inércia III - Monólogo do Buraco

video

Fechando a série dos buracos da Vila Caiçara, mostro neste vídeo os buracos da rua Santa Bárbara. Gostaria de enfatizar a toda população deste bairro que embora exista um vereador que se intitula do Caiçara, na verdade esse Caiçara é referente ao seu restaurante e não tem nada a ver com o bairro. Agradeço mil vezes a TV Tribuna se sensibilizar com os problemas de nossa cidade. Faço o convite que os cidadãos participem contando os problemas causados ou mesmo não solucionados pela administração municipal. Convido também a população que participe das sessões da Câmara. Vejam seus representantes atuando. Temos que dar um basta na politicagem, no orçamento ditatorial onde prevalece a vontade dos políticos em gastar o dinheiro público e não do povo. Temos que lutar pelo orçamento participativo. Não dá mais para aguentar tantos alugueis e terceirizações. É preciso reduzir para 10% os cargos de livre provimento para sobrar dinheiro para investir no bem-estar social. Se queremos viver em paz, numa cidade acolhedora, não podemos esperar por mais ninguém. Se queremos se felizes, nós temos que fazer a nossa parte. Ou a gente reclama ou iremos ver os ricos cada vez mais ricos, e o pobre, sempre pobre.

24 de março de 2010

Inércia II - A Cratera

video

Esta cratera está localizada na Vila Caiçara em frente a rua Santa Bárbara. No vídeo vocês poderão tirar suas conclusões sobre as pessoas que estão cuidando dos interesses da população (será que estão?).

22 de março de 2010

Inércia I - O Buraco

video

Esta semana programei um especial intitulado Inércia. Trata-se de um fato corriqueiro que acontece em nossa cidade por causa da demora em resolver os problemas que vão surgindo e por isso, o problema vai se agravando e o custo para a resolver vai aumentando para a população. Como todos sabem, sonos nós que pagamos por tudo isso. Pensem nisso quando for votar.

18 de março de 2010

Montinhos... de Praia Grande

video

Como culpar a natureza quando o governo não faz a parte dele? E, quando faz, faz mal. Até quando manteremos essa gente no poder? Existe vereador que está há seis mandatos. Precisamos renovar a câmara e a prefeitura ou não teremos mais porque reclamar se a gente continua votando sempre nos mesmos. Mourão e Cássio Navarro, nunca mais!

15 de março de 2010

video

Esse buraco está há anos neste local e ninguém faz nada. Agora, com as chuvas, muitas outras crateras apareceram em toda a cidade. A prefeitura se limita em colocar um cavalete da Termaq para avisar ao povo do buraco, mas isso é pouco! É preciso fechar esse buracos logo antes que um imóvel seja devorado por um deles. Uma coisa que percebi é a origem dessas crateras. Elas começam como buracos pequenos, então chove, a água se infiltra por eles e começa a provocar erosão pelo lado de dentro como se fosse um câncer no asfalto. Depois que tudo estiver corroído por dentro, o asfalto ou o pavimento desaba dando lugar a gigantescas crateras. Eu vou tentar desenvolver o assunto nos próximos dias para vocês verem se o meu raciocínio está correto.

9 de março de 2010

Quem deveria dar o exemplo, não dá!

video

Vejam que vergonha. Não só as autoridades, mas vejam um carro de um autoescola parado num local impróprio, ou seja, na frente de um ponto de ônibus.