10 de agosto de 2010

Coleta de Lixo em Bristol

Em Bristol a gente percebe que os serviços públicos são automatizados ao extremo. Neste vídeo vocês podem ver como é feita a coleta de lixo. Tem todas as casas existem dois latões de lixo de plástico. Um para lixo orgânico e outro para materiais que podem ser reciclados. A empresa que faz esse serviço entrega esses tambores a cada casa. Isso não é nenhum favor, eles faturam muito com reciclagem de lixo. No Brasil poder-se-ia adotar algo semelhante mas com o cuidado de não provocar desemprego. Aqui a população é pequena e há pouca gente procurando emprego de lixeiro, então a automatização foi a solução.

3 comentários:

Sérgio disse...

Franz,

Legal visitar cidades civilizadas. Curitiba também é bem diferente de Praia Grande.
Ah, dá uma olhada quanto sai uma mídia de CD ai. Eu vou no Extra e compro por R$ 0,79. Se for na 25 então, nem vou falar o preço.
A Prefeitura paga R$ 1,17.

PROCESSO ADMINISTRATIVO N. º 13.713/09
OBJETO: “REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE ESCRITÓRIO”.
Considerando a decisão contida no Relatório da Comissão de Preços, exarada no processo n.º 17.272/10, foi DEFERIDO PARCIALMENTE o pedido de reequilíbrio econômico-financeiro FIXANDO o valor de: R$ 1,17 para o item 04 (CD-R gravável
com capacidade de 700MB-80min) e R$ 2,33 para o item 27 (DVD´RW para gravação de áudio e vídeo, tipo óptica regravável,
capacidade 4, 7 GB, 120 minutos, 16x), nos termos do artigo terceiro do Decreto n.º 3193 de 01 de fevereiro de 2001, tendo em vista o comportamento do mercado no período analisado.
Em 29 de julho de 2010. Regina Célia Luz - Presidente da
Comissão de Preços

Franz Josef Hildinger disse...

Uma coisa tão óbvia como CD e DVD, que qualquer criança sabe o preço, e vem esse absurdo de preço. Está todo mundo careca de saber que comprando no atacado esses CDS de supermercado seriam ainda mais barato, só que os políticos brasileiros conseguem fazer o pior. Como querem que o povo se comporte adequadamente quando o exemplo não vem de cima.

guacyara disse...

olá Franz!! Realmente a realidade aí da Inglaterra é muito diferente da nossa aqui no Brasil. Passei 1 mês passeando por diversas cidades da Inglaterra e percebi que todas realizam medidas eficientes em relação à coleta de lixo, qualidade das ciclovias e transporte público. Por que será que aqui no Brasil é diferente? falta de verba? falta de conscientização (= vergonha na cara) ou simplesmente uma forma de sempre se estar realizando obras e podendo assim desviar verbas dos cofres públicos e enriquecer os bolsos de políticos corruptos?