3 de outubro de 2009

Falta-nos educação, sobram aluguéis e construções.



As imagens falam por si só. O importante é a gente começar a pensar o que queremos para a nossa cidade e por conseguinte para a nossa sociedade. Será que eternamente nos contentaremos com escolas de baixa qualidade? Os políticos colocam seus filhos em escolas pagas, portanto se as que eles oferecem ao público fossem boas, seus filhos nelas estariam. Praia Grande já alcança 17% de sua mão-de-obra desempregada e por quê? Porque cada vez o emprego exige maior qualificação. Na última sessão o Vereador Leandro demonstrou inteligência ao criticar o governo por não se preparar para o grande fato econômico que é o Pré-Sal. Ou gritamos por educação ou veremos nossa cidade ser destruída pelo seu próprio povo.

5 comentários:

Thiago disse...

A situação é complicada mesmo, a prefeitura faz um investimento nota 10, instala abrigos de primeiro mundo(como você mesmo disse no vídeo e eu concordo)e algum verme, ou alguns, destroem esse ponto como se fosse a casa deles. Não é o primeiro que você mostra, e não vai se o último.
A intenção da prefeitura foi boa, mas só seria uma boa idéia se a mesma prefeitura garantisse que suas milhões de cãmeras flagrassem um vagabundo destruindo o ponto e cobrasse a conta desse mesmo vagabundo. Além desse flagrante não ocorrer, a prefeitura também não faz a troca dos vidros quebrados. Deveriam firmar um acordo com a DNA vidros para que essa empresa, num gesto de responsabilidade social, financiasse a troca desses vidros, ja que a empresa é a fornecedora mais que exclusiva de grande parte das obras públicas na nossa cidade, fica aí a sugestão, ou ilusão?? rsrsrs
Estava vendo o vídeo e me lembrei do famoso parque da mônica, mais uma das 2000 lorotas que fizeram o praiagrandense ficar feliz, esperando uma excelente oportunidade de emprego... mas ela não veio, assim como também não veio o aeroporto, entre outras...
E no caso do parque, ainda dizem que o terreno foi "doado" ao Maurício de Souza. Se isso for verdade, e se esse cidadão não construir o parque aqui, ai vai ser, realmente, o fim do mundo, bem antes de 2012. E o pior é que deram até data para a inauguração do empreendimento, seria o ano passado (informação do próprio site da prefeitura), isso é que é responsabilidade com a informação!
Mas veremos, e cobremos...

Anônimo disse...

Infelizmente temos vândalos emnossa cidade. Mas temos coisas muito pior, se é que dá para comparar coisas ruins. De um lado, temos vândalos que destroem um patrimônio público. De outro, políticos que só se interessam em fazer obras cujos responsávei sejam pessoas ligadas ao Chefe Todo Poderoso.
Termaq, responsável pela Via Expresso (100.000.000,00), pela duplicação da Kennedy (100.000.000,00), pela reformulação da Mallet e da Costa e Silva (mais uns 100.000.00,00).
E nesses pontos de ônibus, n~~ao esqueçam que tem o dedo do DNA, que doou dinheiro pra compra de votos.
O que importa para a Prefeitura não é preservar, nem punir. Melhor que ganhar dinheiro em uma licitação, é ganhar dinheiro em duas licitações. Daqui a pouco ninstróem novos pontos de ônibus. Ai vem um vândalo e dá prejuízo de alguns reais de uma obra realizada por quem deu um prejuízo de milhões.
E nosso dinheiro vai pelo ralo.
E volto a insistir, por falar em milhões, quando será que sai a sentença sobre a compra de votos?

Franz Josef Hildinger disse...

O ruim de tudo isso é que um problema agrava o outro: destrói-se o patrimônio público, ninguém é punido. Isso faz com que a população perca a confiança no poder público e faz com que o delinquente não o tema. Como a nossa cidade tem vocação turística, esses problemas vão fazer com que passemos a atrair pessoas desajustadas e a espantar pessoas de caráter. Tudo isso ocorrer porque existe uma única atenção policial na temporada e o abandono no resto do ano.

Thiago disse...

Exatamente. Uma cidade de 250 mil habitantes que tem 3 delegacias, sendo que a do caiçara e a do solemar funcionam em horário comercial, como se fossem empresas. Nem sequer uma base fixa da PM, daquelas que todas as cidades que eu conheço tem, nós temos.
Enfim, a cidade turística que mais recebe turistas na baixada inteira, e em todas as épocas do ano, não tem a menor atenção por parte do governo do estado no que se refere a policiamento. Culpa óbvia do governo e culpa óbvia da prefeitura, que não cobra o serviço e nem tem coragem para denunciar esse absurdo. Bom, sem contar a notícia de que somos a cidade que mais cresce no país (dados do IBGE). Nem isso serve para sensibilizar os "fanfarrões" da administração pública.

Thiago

Anônimo disse...

Alguém quer fazer uma aposta em quem ganha mais esta licitação?


AVISO DE HABILITAÇÃO e INABILITAÇÃO
CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº 007/09
PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 1.456/09
O Presidente da Comissão Permanente de Licitações de
Obras e Serviços de Engenharia da Secretaria de Obras Públicas
da Prefeitura da Estância Balneária de Praia Grande, imbuído
das atribuições que lhe são conferidas, declara habilitadas, para a CONCORRÊNCIA PÚBLICA supra citada, as Empresas: CONSTRUTORA
CVS S/A., PAULITEC CONSTRUÇÕES LTDA., TERMAQ TERRAPLENAGEM, CONSTRUÇÃO CIVIL e ESCAVAÇÕES LTDA. e TETO CONSTRUÇÕES, COMÉRCIO e EMPREENDIMENTOS LTDA., por cumprir integralmente as bases licitatórias e inabilitada a
empresa BORGES FONSECA ENGENHARIA e COMÉRCIO LTDA., por não ter atendido aos seguintes itens do Edital: 10.5.8,10.5.3 a) e 10.5.7 a), pelas razões e justificativas apontadas no Processo Administrativo em referência, que se encontra a disposição, para vistas, nesta Secretaria, nos dias úteis das 10:00 às 12:00 e das 13:30 às 15:00 horas, mediante solicitação, através de requerimento, acompanhado do respectivo instrumento de
procuração.
Fica aberto o prazo recursal nos termos do Artigo 109 da Lei Federal nº 8.666/93, suas Alterações e Normas Complementares,
designando para o dia 16 de outubro de 2008, às 15:00 horas,
no mesmo local, para abertura do Envelope nº 02 - Proposta
Comercial Praia Grande, 05 de outubro de 2009. ADILSON MARQUEZ